Curso De Marketing Político Nas Redes sociais

26 Apr 2019 03:42
Tags

Back to list of posts

<h1>Quem Entende, N&atilde;o &eacute;?</h1>

<p>Quando falamos em an&aacute;lise de m&iacute;dias sociais, a primeira coisa que nos vem a mente s&atilde;o web sites de relacionamento como o Facebook e o Twitter. No entanto, a observa&ccedil;&atilde;o de redes sociais est&aacute; contida em ramos da ci&ecirc;ncia muito mais amplos, a sociologia em si, a observa&ccedil;&atilde;o de redes complexas e a teoria dos grafos.</p>

<p>Esse post aborda de forma introdut&oacute;ria como tudo isso funciona. O que h&aacute; Poder&aacute; Uma Cobra De Pel&uacute;cia Inocular Veneno? . E como tais teorias servem em tal grau pra vender produtos ou publicar ideias e assim como pra muitas novas aplica&ccedil;&otilde;es, por vezes n&atilde;o t&atilde;o obvias. A for&ccedil;a comercial da web &eacute; inquestion&aacute;vel. Proje&ccedil;&otilde;es sinalizam que em 2015 mais de um ter&ccedil;o da popula&ccedil;&atilde;o mundial ir&aacute; se conectar &agrave; web e interagir a partir de redes sociais de alguma maneira. Acompanhe os detalhes pela tabela a escoltar. Com um alcance t&atilde;o vasto &eacute; natural que o interesse de empresas em publicar servi&ccedil;os e produtos nessas redes seja enorme, e at&eacute; j&aacute; que produtos e servi&ccedil;os, tais como jogos e aplicativos, sejam criados particularmente pra responder este p&uacute;blico.</p>

<p>Quem sabe desse modo haja uma certa confus&atilde;o entre m&iacute;dia social, marketing digital, publicidade e propaganda pela web e observa&ccedil;&atilde;o de m&iacute;dias sociais. Em certo ponto elas se fundem, se mesclam, caminham lado a lado, mas ainda deste jeito, s&atilde;o coisas distintas. &Eacute; correto que uma bacana ag&ecirc;ncia de marketing Seis Sugest&otilde;es A respeito Produ&ccedil;&atilde;o De Conte&uacute;do Para Redes Sociais publicidade online ir&aacute; trazer a an&aacute;lise de redes sociais e estudos de redes complexas como ferramenta de trabalho. Com isso agregar&aacute; valor ao servi&ccedil;os prestados aos seus fregu&ecirc;ses, infelizmente, parte dessas anunciar&aacute; o servi&ccedil;o pregando s&oacute; fatos vagos como n&uacute;mero de likes e n&uacute;mero de visitantes em websites.</p>

<p>Em uma palestra que assisti a respeito de e-commerce a seguinte quest&atilde;o foi direcionada para o p&uacute;blico. “-Voc&ecirc; acharia &oacute;timo se na sua loja f&iacute;sica houvessem 1000 pessoas, circulando, fazendo quest&otilde;es, tomando cafezinho, ocupando o tempo dos seus vendedores e n&atilde;o comprando nada? 4 Dicas Pra Um Dia a dia Melhor No Servi&ccedil;o pelo motivo de voc&ecirc;s executam isso com seus neg&oacute;cios virtuais? O intuito da pergunta era motivar a respeito qual p&uacute;blico est&aacute; sendo atra&iacute;do pra um neg&oacute;cio. Ele ir&aacute; concretamente consumir o produto ou servi&ccedil;o?</p>

<p>Isso parece obvio at&eacute; mesmo para as pessoas que n&atilde;o &eacute; especialista em Marketing, por&eacute;m por isso j&aacute; que tantas lojas, servi&ccedil;os e empresas insistem no volume de usu&aacute;rios e n&atilde;o nos usu&aacute;rios corretos? Seria para desenvolver a impress&atilde;o de sucesso? E o que tudo isso tem a observar com observa&ccedil;&atilde;o de m&iacute;dias sociais e teoria dos grafos? Pra responder a estas d&uacute;vidas vamos at&eacute; a raiz da hist&oacute;ria dos grafos, redes complexas e m&iacute;dias sociais.</p>

<p>A suposi&ccedil;&atilde;o dos grafos &eacute; um ramo da matem&aacute;tica aplicada que se ocupa em definir problemas relacionados aos grafos. Grafos s&atilde;o estruturas que s&atilde;o capazes de simbolizar diferentes tipos de fatos. Um conjunto de pontos bem como denominado como v&eacute;rtices unidos por linhas chamadas de arestas. Esta representa&ccedil;&atilde;o &eacute; bastante produtivo pra retratar relacionamentos entre indiv&iacute;duos, logo, naturalmente foi adotada por cientistas dessas &aacute;reas como meio pra simbolizar m&iacute;dias sociais. Em 1736 o matem&aacute;tico Leonhard Euler montou uma representa&ccedil;&atilde;o matem&aacute;tica pra provar a hip&oacute;tese de que n&atilde;o era poss&iacute;vel atravessar as 7 pontes existentes pela cidade de K&ouml;nigsberg, Pr&uacute;ssia, sem redizer a passagem por qualquer uma das pontes.</p>

<ul>

<li>O povoamento da Am&eacute;rica</li>

<li>Tuas liga&ccedil;&otilde;es telef&ocirc;nicas e mensagens de texto (se voc&ecirc; tem Android)</li>

<li>Sugest&otilde;es com inten&ccedil;&atilde;o de Websites e Youtube, Posts da semana, A respeito do blog</li>

<li>Virginia ramos citou: 06/08/12 &aacute;s 21:22</li>

<li>Daniela Coelho De Souza alegou: 06/02/12 &aacute;s 00:22</li>

<li>Not&iacute;cias sem saber se s&atilde;o verdadeiras</li>

<li>Crie teu Plano de A&ccedil;&atilde;o (Seo (otimiza&ccedil;&atilde;o para sites de buscas), SEM)</li>

<li>N&atilde;o fale a mensagens de SPAM</li>

[[image http://www.jsums.edu/socialmedia/files/2015/05/social-media-explained-by-cute-cats_5127ca6880db9_w1500.png.jpg?x69482&quot;/&gt;

</ul>

<p>A figura 1 mostra o grafo desenhado por Leonard Euler que deu origem a suposi&ccedil;&atilde;o dos grafos. Gabriel Santos 13214 representa&ccedil;&atilde;o matem&aacute;tica descreveu-se capaz para definir diversos problemas, diversos destes ligados a resolu&ccedil;&atilde;o de rotas, c&aacute;lculo de caminhos m&iacute;nimos, dentre algumas coisas. Grafos bem como s&atilde;o eficientes pra representar rela&ccedil;&otilde;es entre pessoas. Quer dizer, modelar relacionamentos.</p>

<p>Um dos estudos mais famosos relacionados a intera&ccedil;&atilde;o social foi feito na d&eacute;cada de 1960 por Stanley Milgram. Milgram desejava responder com seu experimento a quantos “saltos” eram necess&aacute;rios pra se voltar a qualquer pessoa conhecida no planeta. Este estudo deu origem aos termos “Seis graus de separa&ccedil;&atilde;o” e tamb&eacute;m &agrave;s redes de universo baixo. A suposi&ccedil;&atilde;o de Milgram ficou t&atilde;o popular que deu origem &agrave; pe&ccedil;a Six Degrees of Separation, de John Guare, adaptada para o cinema em 1993 pelo diretor Fred Schepisi em filme de mesmo nome, que foi produzido por Arnon Milchan.</p>

<p>A uni&atilde;o dos conhecimentos de sociologia com as teorias dos grafos deu origem a observa&ccedil;&atilde;o de redes sociais, uma ci&ecirc;ncia complexa, n&atilde;o exata, mais inclinada &agrave; heur&iacute;sticas do que a solu&ccedil;&otilde;es determin&iacute;sticas, no entanto que ainda deste jeito, segue padr&otilde;es matem&aacute;ticos famosos. Bem, por este ponto voc&ecirc; tem que estar se perguntando: No entanto e da&iacute;?</p>

<p>O que tudo isso tem a olhar com Facebook e Twitter? E mais que isso, como estas teorias todas conseguem me amparar? Existem v&aacute;rias respostas a essas perguntas, e as primeiras constata&ccedil;&otilde;es conseguem partir sob o prisma sociol&oacute;gico. O homem prefere viver em popula&ccedil;&atilde;o. E de muitos estudos cient&iacute;ficos descobriu-se, entre outras coisas, que preferimos nos relacionar com parelhos. Nada de “os opostos se atraem”, talvez isto fique para o romantismo, por&eacute;m na observa&ccedil;&atilde;o de m&iacute;dias sociais, s&atilde;o os id&ecirc;nticos que tendem a estar juntos. Pessoas que gostam de esportes tendem a se correlacionar com pessoas que praticam esportes. O pessoal cin&eacute;filo tende a socializar com pessoas que gostam de cinema.</p>

Comments: 0

Add a New Comment

Unless otherwise stated, the content of this page is licensed under Creative Commons Attribution-ShareAlike 3.0 License